sexta-feira, 17 de abril de 2015

ABRIL - MÊS DE MISSÕES ESTADUAIS

CONVENÇÃO BATISTA NACIONAL/MG
MISSÕES ESTADUAIS

Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo.
Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? e como crerão naquele de quem não ouviram? e como ouvirão, se não há quem pregue?
E como pregarão, se não forem enviados? como está escrito: Quão formosos os pés dos que anunciam o evangelho de paz; dos que trazem alegres novas de boas coisas.

Romanos 10:13-15

M
Milhões de pessoas precisam conhecer o evangelho  e serem salvos da condenação eterna. A tarefa é  desafiadora para todos nós, Igreja do Senhor Jesus, pois o Mestre nos confiou essa grande missão. Nossa nação, possui quase 200 milhões de pessoas,  de diferentes credos e  a  cada dia com  novas etnias que chegam em nossa pátria, aumenta o nosso desafio para comunicação do evangelho.
 ”A quem enviarei, e quem há de ir por nós?”

I
Ir até os confins da terra, começando por nosso estado.  Minas Gerais é o quarto Estado com a maior área territorial e  o segundo em quantidade de habitantes.
A Convenção Batista Nacional trabalha diuturnamente para possibilitar que as igrejas conquistem os mineiros para Cristo Jesus, através da abertura de frentes missionárias.
 ”A quem enviarei, e quem há de ir por nós?” 

S
Sustento dos missionários, auxílio às igrejas para que tenham condições de manterem seus pastores no campo de trabalho, capacitação de obreiros, revitalização de igrejas necessitadas, dentre outros, são os desafios da obra missionária estadual, pois cremos que a pregação da palavra de Deus precisa avançar rapidamente, em solo mineiro.
”A quem enviarei, e quem há de ir por nós?”

S
Sobretudo, destacamos o Vale do Jequitinhonha, que é  uma região amplamente conhecida devido aos seus baixos indicadores sociais e também ao norte,  possui características do sertão nordestino. Sofre com a falta de obreiros capacitados e chamados para o ministério, e o por suas igrejas não terem receita suficiente para o próprio sustento.
”A quem enviarei, e quem há de ir por nós?” 


Õ
 O que fazer em favor dos moradores de rua, daqueles que são escravos das drogas, das tribos urbanas e tantos outros grupos que precisam de Cristo?  Orar, ofertar, promover missões – essa é a convocação da JAMI, que tem como missão promover, apoiar e coordenar a visão missionária transcultural das igrejas batistas nacionais, recrutando, treinando e enviando missionários para fazer discípulos de Jesus Cristo entre as nações.
”A quem enviarei, e quem há de ir por nós?”

E
Existem no Estado de Minas Gerais aproximadamente  21 milhões de habitantes, sendo que 7 milhões são Católicos,  3 milhões evangélicos e existem 11 milhões que ainda precisam ser alcançados pelo evangelho, através da igreja. Precisamos continuar enviando missionários que sejam apaixonados por Cristo e por seus  semelhantes, para que, o evangelho seja proclamado em todos os lugares e a todas as pessoas,  sem distinção de raça, cor ou religião.
”A quem enviarei, e quem há de ir por nós?

S 
São estes desafios para a Igreja Batista Filadélfia(CBN/MG): Glorificar o Deus Eterno e fazer discípulos de povos que ainda não conhecem a Jesus Cristo, especialmente em nossas Minas Gerais. Precisamos nos envolver profundamente com a obra missionária em Minas, cumprindo o propósito de Deus nesta geração. É preciso promover missões com amor, entusiasmo e convicção, sempre na dependência de Deus. 
”A quem enviarei, e quem há de ir por nós?”



Todos sejam grandemente abençoados pelo Senhor.

FONTE:http://www.missoesnacionais.org.br/